Gusttavo Lima - Não Paro de Beber

Gusttavo Lima - Não Paro de Beber
Letra: Gusttavo Lima - Não Paro de Beber

Eu vou morrer, eu vou morrer , eu vou morrer mais eu não paro de beber
Eu vou morrer, eu vou morrer , eu vou morrer mais eu não paro de beber

De porre muito louco fui parar no hospital
O médico falou que eu “tava" muito mal
Disse que se eu continuasse a beber ia morrer, morrer, morrer

Aí eu decidi que eu ia parar
Que nunca mais uma gota de álcool ia tomar
No primeiro teste na balada quando eu vi o “amarelim" com gelo eu não resisti, bebi

Eu vou morrer, eu vou morrer , eu vou morrer mais eu não paro de beber
Eu vou morrer, eu vou morrer , eu vou morrer mais eu não paro de beber
Eu vou morrer, eu vou morrer , eu vou morrer mais eu não paro de beber
Eu vou morrer, eu vou morrer , eu vou morrer mais eu não paro de beber

De porre muito louco fui parar no hospital
O médico falou que eu “tava" muito mal
Disse que se eu continuasse a beber ia morrer, morrer, morrer

Aí eu decidi que eu ia parar
Que nunca mais uma gota de álcool ia tomar
No primeiro teste na balada quando eu vi o "amarelim" com gelo eu não resisti, bebi

Eu vou morrer, eu vou morrer , eu vou morrer mais eu não paro de beber
Eu vou morrer, eu vou morrer , eu vou morrer mais eu não paro de beber
Eu vou morrer, eu vou morrer , eu vou morrer mais eu não paro de beber
Eu vou morrer, eu vou morrer , eu vou morrer mais eu não paro de beber

É mais forte que eu, não consigo controlar
Nem tomando antibiótico eu consigo parar

Eu vou morrer, eu vou morrer , eu vou morrer mais eu não paro de beber
Eu vou morrer, eu vou morrer , eu vou morrer mais eu não paro de beber
Eu vou morrer, eu vou morrer , eu vou morrer mais eu não paro de beber
Eu vou morrer, eu vou morrer , eu vou morrer mais eu não paro de beber

Postar um comentário

Copyright © videoclipe.net