Denner e Douglas - 50 Tons de Pinga

Denner e Douglas - 50 Tons de Pinga
Letra: Denner e Douglas - 50 Tons de Pinga

Desce mais uma garrafa daquela birita
Se eu não beber hoje a saudade complica
Não importa a cor, o nome e o sabor
Pior que "ta num" fica
Eu já "to" vendo uns cinquenta tons de pinga
E vou te mostrar como um homem se vinga
Não choro e não ligo de jeito nenhum
E só acabo na 51

Você se esqueceu que eu fui o seu primeiro amor
Por um homem desconhecido se apaixonou
Fortuna gigante olhar penetrante
E você toda pura e inocente
Te usa, te explora, você diz que adora
Parece que ficou doente

Sei que não vai aguentar
Ele só vai te maltratar
E não adianta me ligar
Eu "to" casado com o bar

Purinha, abrideira, pindaíba, bagaceira
Esquenta-peito, birinaite e ypióca
Nesguinha, forra-bucho, pé-de-briga, cura-tudo
Quebra-goela, canjebrina, venenosa

A pinga que eu bebo me ajudou vencer o medo
Que eu tinha de um dia te perder
Agora eu te esqueci e "já num to" mais nem ai
Eu quero "memo" é que você vá ser feliz

Postar um comentário

Copyright © videoclipe.net